O que é Abdominoplastia?

A Abdominoplastia é uma cirurgia plástica feita na região do abdômen. É um procedimento que tem como objetivo retirar a flacidez da região da barriga, assim como tratar o afastamento dos retos abdominais ( diastase).

Muitas pessoas procuram clínicas para realizar a abdominoplastia por descontentamento com esta região do corpo. Devido a cultura alimentar do mundo moderno, que apresenta mais frequentemente saliências e acúmulo de gorduras na área.

Outros fatores como gravidez, oscilações de peso constantes e hereditariedade também podem causar este efeito indesejado conhecido como “pochete”. Considerado o oposto do padrão de beleza representado por uma barriga lisa e tonificada desejada por muitos.

O Brasil é um dos países que mais faz cirurgias plásticas, no ano de 2013 chegou a realizar o maior número de procedimentos obtendo 1,49 milhões de cirurgias. A região do abdômen representou 15% de tudo o que foi realizado no mundo, com 129 mil intervenções feitas no país. A cirurgia plástica de abdominoplastia esteve entre as primeiras da lista deste ranking.

A abdominoplastia é um procedimento que consiste na retirada da flacidez da região da barriga. Fator ocasionado, geralmente, por gestação ou oscilações de peso, a projeção da barriga para frente associada a diastase dos retos é causadora de grande desconforto e inibição de algumas pessoas que realmente são incomodadas com esta característica em seus corpos.

Saiba mais sobre Abdominoplastia - Rio de Janeiro, RJ | Dra. Delane

Cirurgia Plástica de abdome

A cirurgia de abdômen também conhecida como plástica da barriga, dermolipectomia abdominal ou abdominoplastia é indicada para pessoas que apresentam flacidez na região do abdome.

O ideal é que esses pacientes estejam, na data da cirurgia, com o peso corporal correto para que o resultado da abdominoplastia seja mais duradouro, uma vez que as oscilações de peso podem interferir na elasticidade da pele mesmo após a realização do procedimento.

Também para mulheres que planejam ter filhos no futuro, é recomendável postergar a realização da abdominoplastia. É possível realizar essa cirurgia depois de ter todos os filhos ou após perda de peso acentuada, quando a pele está excessivamente flácida.

É realizada incisão infra abdominal, que vai de uma crista ilíaca a outra, entre a linha do umbigo e a púbis. A base acompanha a linha dos pelos pubianos.

A pele que foi puxada da região é descolada do músculo e é realizada a sutura dos músculos enfraquecidos, esta técnica é realizada com o objetivo de afinar a cintura e tratar a distase dos retos abdominais. O excesso de gordura e pele são removidos. As sobras da pele são puxadas para baixo e em seguida é feita sua eliminação.

Também é realizado uma incisão em torno do umbigo, trazendo o umbigo para um novo sítio . As incisões podem ser fechadas com cola cirúrgica e pontos cirúrgicos convencionais. O resultado pode ser conferido inicialmente em cerca de 30 dias após a diminuição do inchaço.

Saiba mais sobre Abdominoplastia - Rio de Janeiro, RJ | Dra. Delane

Duração do Procedimento

O procedimento dura em torno de 3 a 4 horas, sem contar o período de internação anterior com a preparação do paciente para a cirurgia e o tempo de internação pós-operatório que é estimado em 24 horas. A retirada dos pontos pode ser feita a partir do final da primeira semana após a cirurgia.

Para chegar ao efeito desejado de barriga chapada, as pessoas também optam por realizar outros procedimentos associados à abdominoplastia. Que podem ser outras cirurgias auxiliares para diminuir a gordura corporal como lipoaspiração e também em outras regiões do corpo como os seios, através da mamoplastia ou até mesmo a blefarosplastia, por exemplo, são as chamadas cirurgias combinadas.

Dependendo do caso, é possível fazê-las em uma mesma sessão cirúrgica. O benefício desta prática é que o paciente precisará passar por apenas um período de recuperação para ambas as áreas. Porém o processo pode ser um pouco mais doloroso e como o tempo cirúrgico é maior, também aumentam os riscos de trombose.

Saiba mais sobre Abdominoplastia - Rio de Janeiro, RJ | Dra. Delane

Tipo de Anestesia

Para a realização da cirurgia de abdominoplastia é aplicada a anestesia geral ou peridural no paciente.

Cicatriz de abdominoplastia

A extensão da cicatriz irá depender da quantidade de pele que foi retirada do paciente. A incisão pode ficar mais centralizada  e menor no caso de uma retirada menos acentuada de pele como nas mini abdominoplastia . A cicatriz final possui um formato reto sobre o pubis elevando nas laterais( como um biquini de lacinho).

Acredita-se que os cuidados corretos diminuem a chance de aparecer queloides ou hipertrofia , ressalva pacientes que já possuem características genéticas que induzem este comportamento da pele. Muito vai depender dos hábitos do paciente e se ele está seguindo as orientações médicas corretamente.

É normal a cicatriz aparentar vermelhidão nos primeiros meses após a cirurgia, para procedimentos do gênero se estima que os resultados definitivos só apareçam a partir do sexto mês após a cirurgia. O uso de pomadas para cicatrização são indicadas além das fitas de silicone que associados beneficiam esse processo.

Pré-operatório Abdominoplastia

É importante fazer todos os exames de rotina e os requeridos pelo cirurgião responsável pela cirurgia. Para essa como para qualquer outro procedimento cirúrgico não se deve tomar medicamentos à base de ácido acetilsalicílico, como por exemplo: aspirina, doril, ASS, anti-inflamatórios, assim como qualquer tipo de chás, pois essas substâncias podem aumentar o sangramento.

Pós-operatório Abdominoplastia

É recomendado um pós-operatório tranquilo, para a cicatrização se realizar da melhor forma possível. O uso da malha cirúrgica é imprescindível, pois melhora a aderência da pele aos tecidos subcutâneos e ajuda a conter o inchaço. Nos primeiros 20 dias é importante evitar movimentos bruscos e esforços para não comprometer a cicatrização. Pode-se voltar as atividades após 30 dias de modo moderado, não realizando exercícios que exijam esforço na região abdominal.

Riscos da Abdominoplastia

Existem rumores que a cirurgia de abdominoplastia pode ser perigosa e que há uma incidência alta de complicações cirúrgicas. Porém um estudo publicado na Revista Brasileira de Cirurgia Plástica mostrou que, geralmente, as complicações provindas da cirurgia de abdominoplastia estão associadas a fatores como técnica inapropriada ou má indicação cirúrgica. Os resultados mostraram que, dentro de 288 procedimentos realizados em pessoas do sexo feminino, as complicações relacionadas a trombose venosa não chegaram a 1%, se apresentando em 0,34% dos casos, assim como embolia pulmonar de nível 1 com incidência de também de apenas 0,34%.

Cirurgiões plásticos responsáveis advertem que este procedimento não é indicado para pessoas que estão muito acima do peso ideal, tabagistas, pacientes que possuem hipertensão, diabetes ou insuficiência venosa nos membros inferiores também entram no quadro de risco. Pois essas características podem aumentar o risco de complicações durante a cirurgia. Por isso é importante realizar todos os exames prévios e fazer uma boa escolha em relação à clínica e ao cirurgião que irá realizar a abdominoplastia. Profissionais irão esclarecer os pontos e riscos e indicar a melhor solução para o paciente de acordo com seu caso em específico.

Quero fazer minha abdominoplastia

Se você realmente está infeliz com o aspecto do seu abdômen e decidido a realizar a cirurgia de abdominoplastia no Rio de Janeiro, você pode procurar o consultório da Dra. Delane Cavalcante, a cirurgiã plástica é especializada no procedimento e tem uma clínica localizada no bairro de Copacabana com toda a estrutura necessário para realizar o procedimento.

A profissional que é Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, é reconhecida no campo médico pelo seu trabalho com pacientes do sexo feminino. Tire suas dúvidas e conheça o trabalho da Dra. Delane Cavalcante através do telefone (21) 3816 8020 ou (21) 96402 5245

 Saiba mais sobre:

Saiba mais sobre Abdominoplastia - Rio de Janeiro, RJ | Dra. Delane

SalvarSalvar